Tosse com catarro: 9 causas e o que fazer

HomeLifestyle

Tosse com catarro: 9 causas e o que fazer

A tosse com catarro normalmente surge devido a resfriados, alergias ou bronquite, mas também pode ter causas mais sérias como COVID-19, sinusite, pneumonia bacteriana ou tuberculose.

Dependendo da causa, a tosse com catarro também podem surgir com outros sintomas como febre, cansaço, falta de ar ou dor de cabeça. Além disso, a cor do catarro também pode ajudar na identificação da causa. Conheça o que pode indicar cada cor de catarro.

Em caso de tosse com catarro é importante consultar o clínico geral para identificar a causa e iniciar o tratamento adequado, que pode envolver medicamentos como antibióticos e corticoides.

Leia também: Tosse: causas, tipos (e o que fazer para aliviar)


tuasaude.com/tosse


O que pode ser tosse com catarro

As principais causas de tosse com catarro são:

1. Resfriado

Infecções respiratórias como resfriados geralmente causam tosse com catarro, também sendo comum surgirem outros sintomas como nariz entupido ou escorrendo, dor de cabeça, espirros e febre. 

O que fazer: a tosse com catarro do resfriado pode ser aliviada por meio da lavagem nasal com soro fisiológico várias vezes ao dia. Veja como tirar o catarro da garganta.

No entanto, caso a tosse dure mais de 10 dias ou surjam sintomas como dor de cabeça ou febre, é recomendado consultar o clínico geral. 

2. COVID-19

A tosse com catarro causada pela COVID-19 normalmente está associada a outros sintomas como febre, dor de garganta, diarreia e alteração do paladar. Além disso, nos casos mais graves, também pode surgir falta de ar. Confira os principais sintomas de COVID-19.

O que fazer: em caso de suspeita de COVID-19, é recomendado consultar o pneumologista, infectologista ou clínico geral. O tratamento pode envolver medicamentos, como dipirona e antivirais específicos, e a tosse com catarro tende a desaparecer na medida em que a COVID-19 melhora.

Além disso, nos casos mais graves, especialmente quando surge falta de ar, dor no peito ou sonolência, o tratamento pode necessitar ser feito no hospital. Veja como é feito o tratamento da COVID-19.

3. Rinite alérgica

Além de tosse com catarro, a rinite alérgica também pode causar outros sintomas como nariz escorrendo e lacrimejamento dos olhos, especialmente após a inalação de fumaça, poeira ou pólen, por exemplo. É ainda comum sentir o catarro caindo na garganta. 

O que fazer: deve-se evitar o contato com os possíveis causadores da rinite, como pólen ou poeira. Além disso, são recomendadas medidas como manter a casa arejada e preferir panos úmidos ao fazer a limpeza da casa para controlar os sintomas. 

No entanto, é sempre importante consultar um alergista ou clínico geral, para confirmar o diagnóstico e iniciar o tratamento adequado, que geralmente envolve medicamentos, como antialérgicos e corticoides nasais. Conheça os principais remédios para rinite alérgica.

4. Bronquite

A bronquite é a inflamação dos brônquios, que são as estruturas responsáveis pelo transporte de oxigênio até os pulmões, podendo causar tosse com catarro, além de outros sintomas como dor de garganta ou no peito e cansaço.

O que fazer: os sintomas de bronquite normalmente desaparecem em poucas semanas sem que seja necessário um tratamento específico. No entanto, para favorecer a recuperação e aliviar a tosse com catarro, o médico pode indicar alguns remédios, como analgésicos, anti-inflamatórios, mucolíticos e expectorantes. Veja como é feito o tratamento para bronquite.

5. Sinusite

A sinusite é a infecção dos seios nasais, que são cavidades nos ossos da face, por vírus ou bactérias, provocando inflamação e acúmulo de secreções. Além de tosse com catarro, é comum surgirem sintomas como dor de cabeça, dor no rosto, congestão nasal e febre. Confira outros sintomas de sinusite.

O que fazer: em caso da sinusite, é recomendado fazer a lavagem nasal com soro fisiológico para aliviar a tosse com catarro. Além disso, é importante consultar o otorrinolaringologista ou clínico geral, podendo ser indicado o uso de antibióticos, especialmente quando a sinusite é causada por bactérias.

6. Pneumonia

A pneumonia também pode causar tosse com catarro, que normalmente é amarelado. Além disso, também é comum surgirem outros sintomas como febre, perda de peso e cansaço. Saiba os principais sintomas de pneumonia.

O que fazer: em caso de suspeita de pneumonia é importante consultar o pneumologista, infectologista ou clínico geral para iniciar o tratamento, que normalmente é feito com antibióticos. Além disso, algumas vezes o tratamento da pneumonia pode necessitar ser feito no hospital com o uso de antibióticos diretamente na veia e oxigênio.

7. Bronquiolite

A bronquiolite é a inflamação dos bronquíolos, que são as vias aéreas mais estreitas do pulmão. Esta condição é mais comum em bebês com menos de 2 anos e pode causar sintomas como respiração acelerada, febre, tosse persistente com catarro e chiado no peito.

O que fazer: a tosse com catarro causada pela bronquiolite normalmente é aliviada com medidas, como lavagem nasal com soro fisiológico e aspiração das secreções do nariz, e tende a desaparecer em até 3 semanas. 

No entanto, é importante consultar o pediatra, podendo ser indicado o uso de antitérmicos e, especialmente quando surgem sintomas como dificuldade de alimentação ou falta de ar, a internação no hospital. Confira como é feito o tratamento da bronquiolite.

8. Tuberculose

A tuberculose é uma infecção causada por uma bactéria (bacilo de Koch) que pode chegar aos pulmões e provocar sintomas como tosse com catarro e com sangue, dor ao respirar, suor frio e falta de ar. Saiba os principais sintomas de tuberculose.

O que fazer: em caso de suspeita de tuberculose, é recomendado consultar o pneumologista ou infectologista, podendo ser indicado o tratamento com antibióticos. É importante que o tratamento seja realizado até o final de acordo com a orientação do médico para garantir que a bactéria seja eliminada.

9. Doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC)

A doença pulmonar obstrutiva crônica surge devido à inflamação dos brônquios e bronquíolos, especialmente em fumantes, podendo causar dificuldade para respirar, cansaço e tosse constante com catarro.

O que fazer: o tratamento para DPOC deve ser orientado pelo pneumologista e normalmente envolve o uso de remédios broncodilatadores, corticoides ou mucolíticos, além de fisioterapia respiratória. Veja como é feito o tratamento para DPOC.

Quando ir ao médico

É importante consultar o médico em caso de tosse com catarro verde ou amarelo, especialmente caso os sintomas piorem, ou com sangue, porque podem indicar a infecção por microrganismos que podem ter que ser tratados com antibióticos.

Além disso, caso surjam sintomas como falta de ar, sonolência ou confusão mental é recomendado procurar uma emergência para uma avaliação.

Marque uma consulta com o médico mais próximo para investigar a causa da tosse e, assim, ser iniciado o melhor tratamento:

Cuidar da sua saúde nunca foi tão fácil!

Marque uma consulta com nossos Pneumologistas e receba o cuidado personalizado que você merece.



Marcar consulta

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Sergipe e Ceará.


Foto de uma doutora e um doutor de braços cruzados esperando você para atender

Em caso de tosse com catarro é indicado tossir sempre que sentir a presença de secreções na garganta, além de beber bastante líquidos durante o dia para fluidificar as secreções e facilitar a sua eliminação.

Em alguns casos, principalmente quando a tosse é persistente, o médico também pode recomendar o uso de xaropes para tosse, devendo ser usados de acordo com a sua orientação. Confira os principais xaropes para tosse com catarro.

Remédios caseiros para soltar o catarro

Uma opção para complementar o tratamento da tosse com catarro indicado pelo médico  é o uso de chás com propriedades expectorantes, como o chá de malva com guaco e o xarope de cebola, que facilitam a eliminação do catarro. Confira mais opções de remédios caseiros para expectoração.

Saiba como preparar remédios caseiros contra tosse no vídeo a seguir:

youtube image - Remédios Caseiros para a Tosse

Fonte: Tua Saúde!

COMMENTS