Por que a Conmebol anunciou cidade, e não estádio da final da Libertadores

HomeEsporte

Por que a Conmebol anunciou cidade, e não estádio da final da Libertadores

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) – A Conmebol e a AFA confirmaram Buenos Aires como a cidade que será sede da final da Libertadores de 2024, em 30 de novembro. Mas e o estádio? Nada ainda.

A opção de não revelar o nome do local do jogo ainda passa por questões estratégicas e burocráticas.

Ainda assim, o favorito é o Monumental, reformado recentemente e com capacidade para 84 mil torcedores.

Mas bater o martelo do estádio envolve ainda alguns acordos a serem fechados. E detalhes contratuais.

A Conmebol aproveita isso para fazer um certo suspense sobre a definição do estádio.

E também há um tom de precaução. Ano passado, a entidade chegou a anunciar que a final da Sul-Americana seria em Montevidéu, pensando no Estádio Centenário. Mas mudou o jogo para Punta Del Este, em um estádio menor, que pudesse comportar -muito pelas dificuldades logísticas- os torcedores de LDU e Fortaleza sem que ficasse muito vazio.

A Argentina entrou pela primeira vez na rota da final única, que chegará à sexta edição.

QUEM SÃO OS ANFITRIÕES

O River Plate é o principal time argentino classificado para a Libertadores 2024. O Boca, vice-campeão ano passado, não conseguiu vaga.

Os outros participantes são Rosário Central, Estudiantes, Talleres, San Lorenzo e Godoy Cruz.

O sorteio dos grupos da Libertadores será em 18 de março, no Paraguai.

Original Article

COMMENTS