conheça a vida do empreendedor que alcançou sucesso nas redes sociais

HomeBahia

conheça a vida do empreendedor que alcançou sucesso nas redes sociais

No dia 14 de março de 2023, Marcos Edilho Pereira Marinho, de 39 anos, foi morto a tiros em frente a um restaurante em Feira de Santana. O empresário, que tinha origem humilde e carregava consigo o sonho de se tornar milionário, alcançou a marca de R$ 1 milhão de seguidores no Instagram, onde compartilhava sua rotina como empresário de uma loja de eletrodomésticos.

O empreendedor criou um aplicativo que reunia uma lista com os contatos telefônicos e endereços de estabelecimentos comerciais em sua cidade natal, Ipirá, na Bahia. Mais tarde, expandiu a ideia para Feira de Santana e se tornou dono de uma empresa de consultoria de negócios com atuação em todo o Brasil e em mais quatro países.

O sonho de se tornar milionário

Em uma entrevista concedida ao Jornal Diário de São Paulo, em 2021, Marcos Marinho contou que determinou que seria um milionário e preencheu um cheque de R$ 1 milhão para si mesmo, que iria depositar um ano depois. No entanto, com apenas 11 meses da promessa, o dinheiro já estava em sua conta.

Apesar de suas conquistas, o empresário levava uma vida simples, com poucos amigos e evitava falar sobre sua vida pessoal. No entanto, em suas redes sociais, Marcos compartilhava fotos e vídeos de suas viagens internacionais e bens materiais, o que chamava a atenção de seus mais de um milhão de seguidores.

Investigação policial

A Polícia Civil está investigando o histórico de Marcos Marinho para entender o que motivou o ataque que resultou em sua morte. Segundo o delegado Rodolfo Faro, o empresário respondia por crimes de estelionato em Minas Gerais e na Bahia. A suspeita é que a vítima já estava sendo monitorada e o fato dela compartilhar nas redes sociais sua localização pode ter facilitado o homicídio, que aconteceu na movimentada Avenida Fraga Maia.

Marcos Marinho deixa quatro filhos e recentemente havia terminado um casamento. Ele anunciou nas redes sociais o processo de divórcio e o acordo para o pagamento da pensão de dois garotos menores de idade.


Fonte: clique aqui.

Você bem informado!

COMMENTS